ADM de Redes

Um Blog sobre o dia a dia do Administrator de Redes e Servidores Microsoft

By

Licenciamento Máquinas Virtuais Linux em Hyper-V.

Olá Pessoal,

Há algum tempo venho colocando algumas informações sobre Licenciamento de Windows Server e System Center. E uma pergunta me foi feita diversas vezes, então resolvi fazer um post só para esclarecer o assunto.

A pergunta é: Se eu tenho um Host com Hyper-V e/ou Windows Server, quantas VMs Linux eu posso utilizar neste Host e qual Licença de Windows Server eu preciso?

A resposta é simples, na verdade. Quantas você quiser e nenhum licença! :D

Veja: O Windows Server tem a opção de Função do Hyper-V. Isso quer dizer que você pode instalar o Windows Server 2012 R2, por exemplo, e habilitar a função do Hyper-V, tornando esse Host um Host de Virtualização. Porém, como você instalou o Windows Server no Host, você precisa pelo menos licenciar os processadores deste Host (Lembre que cada licença do Windows Server cobre 2 processadores). Uma opção muito melhor é utilizar o Microsoft Hyper-V Server que pode ser baixado de graça do site da Microsoft aqui.

Do ponto de vista técnico, o Hyper-V Server tem todas as features de virtualização do Hyper-V que está no Windows Server, sendo que a única diferença é que este Sistema Operacional não tem interface gráfica, mas ele pode ser gerenciado remotamente de qualquer máquina que tenha o RSAT instaldo (Windows 8.1, inclusive).

Já do ponto de vista de licenciamento, o Hyper-V Server não dá direito de Virtualização de Máquinas Virtuais com Windows Server. Veja que a frase anterior é bem específica: VMs com Windows Server! Isso não quer dizer que você não pode instalar VMs com qualquer outro Sistema Operacional que você tenha licenciado com o fornecedor do mesmo. De fato, você pode criar até 1024 VMs por Host de Virtualização para manter o suporte técnico da Microsoft. Mas o licenciamento do Sistema Operacional, não Microsoft, é de sua responsabilidade.

A grande diferença é que se você tem uma licença de Windows Server, você consequentemente tem um número de Máquinas Virtuais Windows Server que você pode instalar. Se for Windows Server 2012 R2 Standard são 2 Máquinas Virtuais Windows Server 2012 R2 por Host. Se for Windows Server 2012 R2 Datacenter são ilimitadas Máquinas Virtuais Windows Server 2012 R2 por Host. Agora, independente disso, você pode instalar quantas Máquinas Virtuais Linux quiser em um Host Hyper-V. Se no seu caso, você não vai ter VMs com Windows Server, apenas Linux, então você não precisa da licença de Windows Server… Use o Hyper-V Server. (Vale lembrar que dependendo da distribuição Linux, você precisa licenciar com o fornecedor da distribuição)

Espero que tenham gostado da dica!
Até mais!

By

A Microsoft ouve você! #msouvevoce

Olá Pessoal,

A Microsoft todos os anos envia uma pesquisa de satisfação para seus clientes para que estes possam enviar seus feedbacks sobre os mais diversos assuntos e tópicos. E esse feedback é levado muito a sério, seja em melhoria de produtos ou em mudança de comportamento. Na área que trabalho aqui na Microsoft Brasil, uma das nossas responsabilidade é fazer com que profissionais de TI tenham acesso ao maior número de informações possíveis sobre os tópicos pertinentes à Microsoft, e quando os clientes respondem na pesquisa que alguns assuntos não estão tendo tanto conteúdo, acende uma luz amarela aqui para que façamos melhor nosso trabalho.

Na última pesquisa, alguns assuntos surgiram como informações sobre Windows 8, Licenciamento, Nuvem, entre outros. Baseado nisso, o pessoal do time tem enviado informações sobre esses assuntos à toda nossa base de TechNet para que vocês vejam onde estão os conteúdos que você está procurando. Esse processo já está ocorrendo há 2 semanas e deve durar mais 2 semanas.

E no final da semana passada, o pessoal enviou um vídeo que eu fiz ressaltando o conteúdo abordado:

Se você quer participar da discussão, utilize a hashtag #msouvevoce no Twitter ou Facebbok. Não deixe de curtir também o perfil do TechEd Brasil no Facebook: http://www.facebook.com/techedbrasil.

Até mais!

By

Evento Gratuíto Online! Virtualization Jump Start!

Olá Pessoal,

No próximo dia 19/02 o pessoal da Microsoft Corp vai fazer um evento online e gratuito, o Virtualization Jump Start. O evento vai abordar recursos de virtualização do Windows Server 2012 R2 e Virtual Machine Manager 2012 R2. Será um dia inteiro de evento transmitido diretamente de Redmond e será apresentado pelos experts em Virtualização Symon Perriman e Matt McSpirit.

O conteúdo do evento é de primeira, veja:

• Introduction to Microsoft Virtualization
• Host Configuration
• Virtual Machine Clustering and Resiliency
• Virtual Machine Configuration
• Virtual Machine Mobility
• Virtual Machine Replication and Protection
• Network Virtualization
• Virtual Machine and Service Templates
• Private Clouds and User Roles
• System Center 2012 R2 Data Center
• Virtualization with the Hybrid Cloud
• VMware Management, Integration, and Migration

Como o evento será transmitido de Redmond,WA o horário será um pouco estranho. O evento inicia às 14:00 e termina às 22:00 (Horário de Brasília). Para se registrar no evento, acesse o link http://aka.ms/virtDC.

O legal é que eu estarei (em parte do evento) trabalhando no Q&A. Então se você tiver alguma dúvida sobre o conteúdo apresentado fique à vontade para enviar sua pergunta que eu posso ser um dos que irá responder.

Até mais!

By

Licenciamento de System Center 2012 R2

Olá pessoal,

O assunto Licenciamento é sempre muito procurado e muita gente me pergunta em evento sobre licenciamento de produtos. Um dos produtos que tem chamado bastante a atenção é o System Center. Desde a versão 2012, a Microsoft mudou a forma de licenciamento do produto buscando facilitar para clientes além de permitir que as empresas que adquirirem o produto, possam desfrutar de todos os recursos possíveis.

Hoje, quando você licencia o System Center 2012 R2 você tem duas opções: Standard e Datacenter. Independente da versão escolhida, você vai ter acesso a todos os produtos que incluem:

- Operations Manager;
- Configuration Manager;
- Data Protection Manager;
- Service Manager;
- Virtual Machine Manager;
- Endpoint Protection;
- Orchestrator;
- App Controller;

O ponto mais importante até aqui é: Tudo isso acima está licenciado independete da escolha entre Standard e Datacenter. Bom, se tudo está licenciado, qual a diferença entre as opções?

A diferença entre Standard e Datacenter está no que você vai gerenciar. Mas antes de detalhar as diferenças, um ponto importante: Você precisa licenciar o System Center tanto para os servidores, como para as estações que você irá gerenciar. Neste primeiro post sobre licenciamento de System Center, vamos entender o licenciamento de servidores.

No caso de servidores, você irá utilizar o que chamamos de “Server Management License” ou SMLs. As SMLs, que podem ser Standard ou Datacenter, cobrem todos os servidores que são gerenciados pelo System Center. Porém a SML Datacenter é indicada para ambientes com grande número de Máquinas Virtuais, enquanto a Standard é recomendada para ambientes com poucas máquinas virtuais. As SMLs são adquiridas de acordo com o número de processadores físicos dos servidores que você está gerenciando e cada licença cobre 2 processadores físicos (Cores, Núcleos, HT não são levados em conta), veja um exemplo:

Se você tem um servidor gerenciado pelo System Center com 2 processadores físicos, você precisa de 1 SML.
Se você tem um servidor com 4 processadores, então você precisará de 2 SMLs.

Veja, porém que o exemplo acima não leva em conta o número de VMs que você tem em execução neste servidor. Esse é o segundo fator para determinar o número de licenças necessárias para seu ambiente. A SML Standard dá direito a 2 Máquinas Virtuais gerenciadas no servidor físico que você está gerenciando. Já a SML Datacenter dá direito a ilimitadas VMs no servidor que você está gerenciando com System Center. Logo, veja os exemplos abaixo:

Se você tem um servidor com 4 processadores e 8 VMs:
Com SML Standard você precisa de 4 SML.
Com SML Datacenter você precisa de 2 SML.

Se você tem um servidor com 6 processadores e 20 VMs:
Com SML Standard você precisa de 10 SML.
Com SML Datacenter você precisa de 3 SML.

Para ter mais informações sobre as formas de licenciamento do System Center, você pode acessar: http://www.microsoft.com/licensing/about-licensing/SystemCenter2012-R2.aspx#tab=2. Além disso, a recomendação sempre é entrar em contato com uma revenda Microsoft pois existem algumas formas de licenciamento de volume que tornam o processo ainda mais simples.

Espero que tenham gostado das dicas.
Até mais!