ADM de Redes

Um Blog sobre o dia a dia do Administrator de Redes e Servidores Microsoft

By

Quer saber no que a Microsoft está trabalhando?

Olá Pessoal,

Uma das coisas que muitos clientes me perguntam é se temos informações sobre o que a Microsoft está trabalhando com relação à features das próximas versões dos produtos. Algumas informações, obviamente, são de acesso restrito e não podemos compartilhar ainda. Porém, os times de produto deram um grande passo para a publicação de informações sobre os vNext.

Está no ar o site Cloud Platform Roadmap, que basicamente fornece informações sobre o que foi lançado recentemente, o que está em Preview, o que está sendo desenvolvido e o que, por algum motivo, foi cancelado o desenvolvimento. Para acessar o site e saber mais sobre as novidades, acesse: http://www.microsoft.com/en-us/server-cloud/roadmap/.

Vale a pena deixar esse link nos favoritos, pois as informações serão atualizadas constantemente.
Espero que tenham gostado da dica.
Até mais!

By

Você está se programando para o fim do suporte ao Windows Server 2003?

Olá Pessoal,

Hoje em dia quando converso com clientes, percebo que muitos já estão aderindo aos produtos mais novos de servidores como Windows Server 2012. Alguns ainda estão utilizando o Windows Server 2008 R2, mas a tendência é muito positiva.

Mas vale lembrar sempre que os produtos tem um prazo de suporte. E o Windows Server 2003, que ainda é utilizado com aplicações legadas, ainda está em muitas empresas. A questão é que o WS 2003 perde totalmente o suporte em 14 de Julho de 2015. Isso significa que você tem menos de 1 ano para se preparar.

Pensando nisso, a Microsoft compilou diversas informações em um portal onde você pode encontrar diversas informações sobre suporte, ferramentas para migração e muito mais… Para acessar: http://www.microsoft.com/en-us/server-cloud/products/windows-server-2003/defaultb.aspx. Não deixe de acessar, conferir o conteúdo e se prepare para a migração o quanto antes!

Até mais!

 

By

Relatos de alguns dias usando o Surface Pro 3…

… e a experiência é ótima!

Olá Pessoal,

Se você já viu alguma apresentação minha, provavelmente, você já viu a máquina que trabalho no dia a dia. Trata-se de um Sony Vaio Duo 11. Um pouco depois de ganhar esse brinquedo da minha esposa, o Rafael Bernardes e eu fizemos um vídeo mostrando a máquina:

E agora eu estou com um Surface Pro 3. Mais precisamente, o meu é o Surface Pro 3 com processador i5 e 128GB de disco.

Bom, as especificações de hardware são diferentes, mas no final eu não utilizava muita coisa do hardware do Sony Vaio e o Surface com essa configuração me atende sem nenhum problema.

Existem alguns pontos importantes para quem tinha uma máquina como o Sony Vaio Duo 11. O primeiro é que o teclado desta máquina era ABNT2. Parece besteira, mas quando você conecta um teclado externo que você comprou no Brasil e também é ABNT2, não tem que fazer configuração nenhuma. Já o Surface não é vendido no Brasil e o teclado é o modelo United States English International. Quando você conecta um teclado externo, você tem que ter duas configurações de teclado. Basicamente, uma tecla, mas faz diferença.

Outra coisa é que o Sony Vaio Duo 11 tinha 1 porta VGA, 1 porta HDMI e uma porta de Rede física. Com isso, eu que faço muitas apresentações não precisava me preocupar com adaptadores de rede ou de vídeo. Já o Surface tem apenas wifi e uma porta Mini-Display Port. Com isso tenho que andar com um adaptador para VGA e vou ter que comprar um para HDMI. De novo, detalhe. Mas eu não tinha esse tipo de preocupação. Agora, algumas coisas realmente não tem o que falar.

A primeira é com relação ao teclado Type Cover que para o Surface 3 é com Backlight. Animal. Com relação à teclado não preciso mais de um teclado externo. Esse teclado, além de fino e servir como capa para o Surface é muito confortável.

A tela de 12″ é outra coisa animal. A versão 1 e 2 do Surface tinham uma tela de 10.6″. Com a tela de 12″ ele continua pequeno e leve, mas a tela ficou muito mais funcional. Eu tenho um monitor adicional no escritório da empresa, mas acabo usando a tela do Surface como tela principal pois ela é excelente!

A caneta é de tirar do sério de tão legal. Além de extremamente precisa, a interação com o OneNote é fantástica. Se você apertar o botão uma vez, o OneNote abre e você começa a escrever na hora! Se você apertar 2 veszes, ele abre a tela de captura e joga para o OneNote. Animal!

O KickStand é perfeito! Independente de onde você estiver, você consegue ter um bom angulo para ver a tela. No Surface 1 era apenas uma posição. No Surface 2, duas posições. No 3, você tem várias opções para colocar o angulo da tela, e isso facilita muito para quem usa o tablete no colo para escrever com o teclado.

Enfim, como falei o Surface não é vendido no Brasil. Mas estou muito contente de utilizá-lo. Se você tiver a chance de ir para o EUA (Ou algum mercado que tenha o Surface) recomendo fortemente que você faça o investimento. Acho que não vai se arrepender!

Até mais!

By

R.I.P – Windows XP | Welcome Windows 8.1 Update 1

E chegou o dia… Hoje, 08 de Abril de 2014 termina (finalmente) o suporte do Windows XP. A partir deste momento, o Windows XP não é mais suportado pela Microsoft e deve ser retirado das máquinas dos clientes. Para ajudar clientes finais e empresas a realizar esta mudança, durante anos a Microsoft e toda a comunidade de TI desenvolveu muito conteúdo sobre o processo de migração.

Na página http://www.microsoft.com/en-us/windows/enterprise/end-of-support.aspx você pode ter mais informações sobre os processos de migração do Windows XP para Windows 8.1 tanto para Usuários Caseiros, Pequenas e Médias Empresas e até Grandes Corporações.

Porém, outro tópico é muito importante: Hoje é o GA (Disponibilidade Geral) do Update 1 para Windows 8.1. Esse update foi anunciado semana passada durante o Build. O update traz novidades muito aguardadas pelos usuários e muito ainda está por vir. Para ter acesso a este update, fique de olho no Windows Update (Ou WSUS, dependendo do seu ambiente). Se você é assisnate MSDN o update já está disponível também na página de download de produtos do MSDN.

Além do conteúdo acima, recomendo o Blog Post do Marcelo Matias (Especialista Microsoft em Windows) sobre o processo de criação e distribuição de uma imagem Corporativa de Windows 8.1 e Office 2013: https://marcelomatias.wordpress.com/2014/03/24/passo-a-passo-imagem-corporativa-windows-8-1.

Até mais!

By

Licenciamento Máquinas Virtuais Linux em Hyper-V.

Olá Pessoal,

Há algum tempo venho colocando algumas informações sobre Licenciamento de Windows Server e System Center. E uma pergunta me foi feita diversas vezes, então resolvi fazer um post só para esclarecer o assunto.

A pergunta é: Se eu tenho um Host com Hyper-V e/ou Windows Server, quantas VMs Linux eu posso utilizar neste Host e qual Licença de Windows Server eu preciso?

A resposta é simples, na verdade. Quantas você quiser e nenhum licença! :D

Veja: O Windows Server tem a opção de Função do Hyper-V. Isso quer dizer que você pode instalar o Windows Server 2012 R2, por exemplo, e habilitar a função do Hyper-V, tornando esse Host um Host de Virtualização. Porém, como você instalou o Windows Server no Host, você precisa pelo menos licenciar os processadores deste Host (Lembre que cada licença do Windows Server cobre 2 processadores). Uma opção muito melhor é utilizar o Microsoft Hyper-V Server que pode ser baixado de graça do site da Microsoft aqui.

Do ponto de vista técnico, o Hyper-V Server tem todas as features de virtualização do Hyper-V que está no Windows Server, sendo que a única diferença é que este Sistema Operacional não tem interface gráfica, mas ele pode ser gerenciado remotamente de qualquer máquina que tenha o RSAT instaldo (Windows 8.1, inclusive).

Já do ponto de vista de licenciamento, o Hyper-V Server não dá direito de Virtualização de Máquinas Virtuais com Windows Server. Veja que a frase anterior é bem específica: VMs com Windows Server! Isso não quer dizer que você não pode instalar VMs com qualquer outro Sistema Operacional que você tenha licenciado com o fornecedor do mesmo. De fato, você pode criar até 1024 VMs por Host de Virtualização para manter o suporte técnico da Microsoft. Mas o licenciamento do Sistema Operacional, não Microsoft, é de sua responsabilidade.

A grande diferença é que se você tem uma licença de Windows Server, você consequentemente tem um número de Máquinas Virtuais Windows Server que você pode instalar. Se for Windows Server 2012 R2 Standard são 2 Máquinas Virtuais Windows Server 2012 R2 por Host. Se for Windows Server 2012 R2 Datacenter são ilimitadas Máquinas Virtuais Windows Server 2012 R2 por Host. Agora, independente disso, você pode instalar quantas Máquinas Virtuais Linux quiser em um Host Hyper-V. Se no seu caso, você não vai ter VMs com Windows Server, apenas Linux, então você não precisa da licença de Windows Server… Use o Hyper-V Server. (Vale lembrar que dependendo da distribuição Linux, você precisa licenciar com o fornecedor da distribuição)

Espero que tenham gostado da dica!
Até mais!

By

A Microsoft ouve você! #msouvevoce

Olá Pessoal,

A Microsoft todos os anos envia uma pesquisa de satisfação para seus clientes para que estes possam enviar seus feedbacks sobre os mais diversos assuntos e tópicos. E esse feedback é levado muito a sério, seja em melhoria de produtos ou em mudança de comportamento. Na área que trabalho aqui na Microsoft Brasil, uma das nossas responsabilidade é fazer com que profissionais de TI tenham acesso ao maior número de informações possíveis sobre os tópicos pertinentes à Microsoft, e quando os clientes respondem na pesquisa que alguns assuntos não estão tendo tanto conteúdo, acende uma luz amarela aqui para que façamos melhor nosso trabalho.

Na última pesquisa, alguns assuntos surgiram como informações sobre Windows 8, Licenciamento, Nuvem, entre outros. Baseado nisso, o pessoal do time tem enviado informações sobre esses assuntos à toda nossa base de TechNet para que vocês vejam onde estão os conteúdos que você está procurando. Esse processo já está ocorrendo há 2 semanas e deve durar mais 2 semanas.

E no final da semana passada, o pessoal enviou um vídeo que eu fiz ressaltando o conteúdo abordado:

Se você quer participar da discussão, utilize a hashtag #msouvevoce no Twitter ou Facebbok. Não deixe de curtir também o perfil do TechEd Brasil no Facebook: http://www.facebook.com/techedbrasil.

Até mais!

By

Evento Gratuíto Online! Virtualization Jump Start!

Olá Pessoal,

No próximo dia 19/02 o pessoal da Microsoft Corp vai fazer um evento online e gratuito, o Virtualization Jump Start. O evento vai abordar recursos de virtualização do Windows Server 2012 R2 e Virtual Machine Manager 2012 R2. Será um dia inteiro de evento transmitido diretamente de Redmond e será apresentado pelos experts em Virtualização Symon Perriman e Matt McSpirit.

O conteúdo do evento é de primeira, veja:

• Introduction to Microsoft Virtualization
• Host Configuration
• Virtual Machine Clustering and Resiliency
• Virtual Machine Configuration
• Virtual Machine Mobility
• Virtual Machine Replication and Protection
• Network Virtualization
• Virtual Machine and Service Templates
• Private Clouds and User Roles
• System Center 2012 R2 Data Center
• Virtualization with the Hybrid Cloud
• VMware Management, Integration, and Migration

Como o evento será transmitido de Redmond,WA o horário será um pouco estranho. O evento inicia às 14:00 e termina às 22:00 (Horário de Brasília). Para se registrar no evento, acesse o link http://aka.ms/virtDC.

O legal é que eu estarei (em parte do evento) trabalhando no Q&A. Então se você tiver alguma dúvida sobre o conteúdo apresentado fique à vontade para enviar sua pergunta que eu posso ser um dos que irá responder.

Até mais!

By

Essa você não pode perder! Dicas de Performance Tuning para Windows Server 2012 R2!

Olá Pessoal,

Vira e mexe, alguém me pergunta sobre melhores práticas para Windows Server sobre Hardware, Subsistemas, Funções e etc. Hoje recebi um e-mail interno com o link para um site mais que interessante… Na verdade, diria que é uma das melhores documentações que já nos últimos tempos!

O site contém guias de performance tuning para Hardware, subsistemas, Funções de Servidor, Workloads e mais… Para acessar o site, clique aqui.

Espero que gostem da dica!
Até mais!

By

Livro Microsoft Hyper-V Cluster Design

Olá Pessoal,

Há algum tempo, venho trabalhando em mais um projeto de revisão técnica de livro sobre Hyper-V. Desta vez, o livro foi sobre Design de cluster de Hyper-V. O escritor foi o Eric Siron. Claro que revisar um livro nem se compara com escrever um, mas mesmo assim foi um trabalho árduo e que precisou de bastante dedicação.

Eu, particularmente, fiquei muito bem impressionado com o livro. Achei ele extremamente completo e didático. O livro foi lançado há pouco e em breve estará disponível no site da Editora aqui, ou na Amazon aqui.

Espero que vocês gostem do livro e da dica…
Até mais!

By

Documente os Runbooks do Orchestrator com Visio e Word!

Olá Pessoal,

Se você está trabalhando com o System Center Orchestrator, já deve ter percebido que alguns Runbooks são extremamente extensos e as vezes documenta-los pode ser uma tarefa nada agradável. Pensando nisso, foi criada uma ferramenta especificamente para esse tipo de documentação.

Na verdade, a ferramenta não é nova e existe desde a época do Opalis, mas foi atualizada para suportar Visio e Word 2013.

Veja o post que o time de produto fez mostrando como utilizar a ferramenta aqui.
E para baixar a ferramenta, acesse aqui.

Até mais!